Vigiando até Jesus voltar

Pe. José Augusto - Foto: Maria Andrea/Cancaonova.com

Tudo o que Deus nos pede é bom, por isso amamos tudo o que Ele nos ordena. Deus tem para nós a vida eterna, a salvação.

A instabilidade do mundo nos pega, uma hora somos fervorosos, pouco tempo depois somos frios. Nosso coração deve estar fixo nas verdadeiras alegrias.

O evangelho de hoje fala das virgens prudentes. As que deixaram as lâmpadas acesas e as que apagaram as lâmpadas porque não souberam esperar, infelizmente acabaram ficando para trás.

Nós que temos uma caminhada em Deus e não podemos ficar fora do céu. Onde está o teu tesouro aí está também o teu coração.

As virgens imprudentes batem a porta, porém o Senhor lhes diz: “Não as conheço”. Estas são talvez as palavras mais duras que encontramos na palavra de Deus. Se imagine neste lugar ouvindo essas palavras, Deus nos livre!

Não podemos perder o céu por causa de um vacilo. Que nossa postura seja vigilante.

Sabe porque muitas vezes nós caímos? porque não vigiamos, não temos a capacidade de estarmos atentos a ação do mal, a ação da tentação na nossa vida.

Nós não somos deste mundo, estamos de passagem. Porém Jesus nos deixou uma promessa: “Vou para o Pai para preparar-lhes um lugar e quando este lugar estiver pronto Eu voltarei”. Há aqui duas promessas. Estamos aguardando a sua volta, enquanto Ele não vem na sua segunda vinda, Ele quer se encontrar conosco todos os dias.

Nós somos este povo que quer se encontrar com Jesus, lutamos pelo céu. Somos felizes nesta busca da vontade de Deus, numa felicidade eterna, essa é a grande verdade do Evangelho. Por isso meus irmãos vigiem, fiquem atentos!

"Esta é a vontade de Deus, vivei na Santidade, afastai-vos da impureza" - Foto: Maria Andrea/Cancaonova.com

Não busquem a Deus só porque querem ser curados, busquem a Deus para progredir na Santidade, o que vier é acréscimo.

O que Deus quer de um pagão? Que se convertam. O que Ele quer de um cristão? Que sejam santos. Não foi isso que Jesus falou para o jovem rico?

Se formos progredindo na Santidade não teremos medo de morrer, os Santos viviam na expectativa do encontro com o Senhor.

Esta é a vontade de Deus, vivei na Santidade, afastai-vos da impureza. Se você está caindo é porque não está vigiando.

Deus não nos chamou a impureza, mas a Santidade. Busquem o Sacramento da confissão. Eu me incluo estou lutando, o que estou falando pra vocês falo pra mim também, é uma luta constante.

Ao invés de nos vigiarmos, vamos vigiando os outros, isso é muito sério. Não seja um vigia cego.

Vamos recomeçar? Vale a pena gente! Que sejamos bem aventurados no nosso encontro com Jesus. Por isso que precisamos estar vigiando, se cair, busque um sacerdote e recomece a vida, não fique se lamentando pelo que fez, confesse e retome a caminhada.

Padre José Augusto – Padre da Comunidade Canção Nova

Transcrição e adaptação: Cris Henrique

Fonte: Canção Nova

Anúncios

Sobre Alex C. Vasconcelos

Casado, 32 anos, pai de uma princesa, Advogado, Acólito na Paróquia do Divino Espírito Santo em Maceió/AL.
Esse post foi publicado em Formação. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s